3 de set de 2010

Mais loucuras do nosso planeta



Site vende passagem para o céu

Já é pública a idéia de que na Internet é possível comprar de tudo. A última novidade no setor é a venda de coisas mais abstratas. O site Ticket2Heaven(www.ticket2heaven.dk), por exemplo, oferece agora uma passagem para o céu.

Os proprietários do site sabem que não é possível garantir quem vai ou não para o céu, mas têm a intenção de facilitar o acesso. Para isso, estão colocando à venda um ticket que promete guiar o consumidor de modo eficaz para cumprir seus objetivos na Terra.

Quem quiser comprar a sua passagem para o céu terá que desembolsar US$ 15 mais US$ 9,95 de frete do título.

Homem pede divórcio pela Web

O primeiro divórcio via Internet foi iniciado, no Reino Unido, em pleno dia de Natal.

De acordo com o site Ananova.com, um homem utilizou o serviço Divorce Online para se divorciar da sua esposa, pagando 85 euros pelo download do documento que permite iniciar o processo. No dia seguinte o solicitante se dirigiu à corte judicial mais próxima e iniciou os procedimentos relativos ao divórcio.

O gerente do site afirmou que quando lançou o site, há três anos, jamais imaginou que alguém pudesse fazer a solicitação justamente no dia de Natal. Ele acredita que o cliente tenha escolhido a data para evitar a espera comum em dias convencionais.

Direitos Humanos lançam site adaptado
para deficientes visuais


A Secretaria de Estado dos Direitos Humanos vai lançar em janeiro de 2003 uma versão adaptada do seu site para os deficientes visuais. A home-page está sendo estruturada em parceria com a Acessibilidade Brasil, uma entidade civil que obteve R$ 268 mil para desenvolver a versão especial. A liberação dos recursos foi publicada hoje no Diário Oficial da União.

De acordo com a responsável pela Cordenadoria Nacional para Integração da Pessoa Portadora de Deficiência (CORDE), Niusarete Margarida, uma resolução do governo federal vai determinar que todos os sites públicos deêm condições de acesso para os deficientes visuais.

Teclado wireless da HP permite invasão
de privacidade


Um usuário norueguês afirma que nunca mais vai querer ter um teclado wireless da HP enquanto morar em um condomínio de casas. O multimedia cordless keyboard da companhia permite que qualquer computador com o equipamento capte o que o vizinho digita na sua máquina.

De acordo com o usuário Are Wormnes, o problema só foi percebido quando o seu vizinho lhe fez perguntas sobre uma carta em produção no editor de texto. O fato levou o usuário norueguês a desconfiar seriamente de que qualquer pessoa no raio de 100 metros poderia captar o sinal do teclado.

A HP informou ao seu cliente que a troca de canal de comunicação do produto era mais do que aconselhável, sugestão seguida à risca por Wormnes, que porém não adiantou. Como o usuário persistiu na reclamação, a fabricante recomendou a troca do equipamento para um de geração mais nova.

Quem insistir no multimedia cordless keyboard não pode ter ninguém com produto semelhante no raio de ação do teclado, 100 metros. Com o bug em operação, roubar senhas torna-se uma tarefa não muito complicada.

Fonte:O Jornal Mossoroense

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More